Paramahansa Yogananda, educador da humanidade

By Arnóbio - Last updated: Friday, April 30, 2010 - Save & Share - 2 Comments

Arnóbio Albuquerque, Mestre em Educação
Estudante das lições da SRF – www.arnobio.org

Em seu livro Educação do Homem Integral, o filósofo e educador Humberto Rohden lamenta o deplorável estado em que se encontra a educação da humanidade, completamente radicada numa orientação vinda de fora, mais voltada para o conhecimento e desenvolvimento da técnica do que para a formação humana, objetivo central e primordial da verdadeira educação.

O resultado é uma completa perda de referência do ser contemporâneo sobre si mesmo, incapaz de encontrar a finalidade de sua existência: “Outrora havia o homem perdido o seu caminho – hoje, porém, ele perdeu o seu próprio endereço”.

Segundo ele, “a instrução tem por fim fornecer ao homem o conhecimento e uso dos objetos necessários para sua vida profissional. A educação tem por fim despertar e desenvolver no homem os valores da natureza humana; porquanto a natureza humana existe em cada indivíduo apenas em forma potencial, embrionária”.

A educação integral, plenamente voltada para o desenvolvimento harmonioso de corpo, mente e espírito, é capaz de superar essa grande lacuna da educação contemporânea. Ela não ignora as necessidades materiais, nem a necessidade da eficiência, pois busca a percepção do ser na vasta horizontalidade da dimensão humana sem esquecer a verticalidade espiritual, contribuindo para o despertar da consciência por meio de uma educação intelectual, emocional, física, moral e espiritual.

ESCOLA DE COMO VIVER

Essa educação integral encontrou plena expressão na obra de Paramahansa Yogananda, cuja vida dedicou a apontar diretamente para o potencial do ser humano e para o desenvolvimento de uma pedagogia capaz de realizá-lo.

Ele é reconhecido mundialmente como um educador espiritual de grandeza inaudita, aquele que trouxe a Ioga para o Ocidente, em 1920, quando saiu da Índia para participar do Congresso Internacional dos Liberais Religiosos, em Boston, Estados Unidos. Seu livro mais conhecido, Autobiografia de um Iogue, foi traduzido para diversas línguas, aclamado pela imprensa mundial com destacada receptividade. “Jamais houve, em inglês ou em qualquer outra língua européia, algo como esta apresentação da Ioga”, escreveu a Columbia University Press. “É preciso creditar a essa importante biografia o poder de deflagrar uma revolução espiritual”, escreveu o jornal Schleswig-Holsteinische Tagespost, da Alemanha.

Por meio desse livro e outras obras ele apresentou uma pedagogia orientada para uma educação do Ser Integral, cuja amplitude não encontra barreiras em credos, culturas ou denominações religiosas.

Em suas experiências reconheceu as mesmas debilidades do sistema educacional moderno apontadas por Rohden: “Elogio sinceramente o moderno sistema escolar americano e o constante aperfeiçoamento de seus métodos de educação intelectual e, até certo ponto, de Educação Física. Entretanto, não posso deixar de assinalar seu principal defeito: a falta de alicerce espiritual. O rapaz que se distingue como o primeiro da classe pela inteligência, ou que é um grande jogador de beisebol ou futebol, frequentemente atrai a atenção e o estímulo do professor, mas poucos o observam ou advertem corretamente se leva uma vida moral ou espiritual de terceira classe”.

Seu trabalho consistiu em ensinar um caminho prático para superar essas e outras deficiências educacionais modernas: “Por que não tomar as providências educacionais adequadas para evitar o roubo anual de um bilhão de dólares, e usar parte desses milhões para criar ‘escolas de como viver’, onde se ensine a arte de viver e o desenvolvimento equilibrado de todas as faculdades humanas?”.

No livro Autobiografia de um Iogue, ele descreveu a experiência de fundação da “escola de como viver” na cidade de Ranchi, na Índia, no ano de 1917, um dos momentos mais marcantes para a compreensão de seu papel de educador da humanidade. “Decidi fundar uma escola onde os meninos pudessem desenvolver sua plena estatura de seres humanos”. Após o primeiro ano de atividades da escola, o número de candidatos à matrícula chegava a dois mil. Nos anos seguintes, a escola recebeu visitas ilustres, como a de Mahatma Gandhi e Rabindranath Tagore.

Vivendo mais de 30 anos nos Estados Unidos, Paramahansa Yogananda estendeu os ensinamentos da “escola de como viver” para a realidade do Ocidente, traduzindo a essência da ioga para a mentalidade contemporânea. Atravessou os Estados Unidos de norte a sul, leste a oeste, sempre atraindo multidões para apresentar ao grande público sua filosofia em linguagem adaptada ao estilo de vida do Ocidente, mas sem sacrificar a essência dos princípios da Ioga.

O PRINCÍPIO DA VIDA EQUILIBRADA

O projeto pedagógico de Paramahansa Yogananda tem como um dos pilares o princípio da vida equilibrada, apoiando a necessidade do esforço para o progresso material. Uma vez que a essência espiritual se manifesta em um corpo físico, o êxito nas duas dimensões, espiritual e material, colabora para manter o edifício inteiro em permanente equilíbrio. “para ser feliz é preciso ter saúde, uma mente equilibrada, uma vida próspera, o trabalho certo, um coração agradecido e, acima de tudo, sabedoria ou conhecimento de Deus”.

A “escola de como viver” envolve todos os aspectos da existência e tem o propósito de ensinar o caminho prático e a sabedoria capazes de guiar para a vida realizada com plenitude e felicidade. Elaborada em bases pragmáticas, ela atende aos princípios de amor, equilíbrio, espiritualidade, cooperação, paz interior, experiência e globalidade, o que inclui capacidade de superar os instintos inferiores, acesso direto à Verdade por meio da intuição e alegria em servir aos outros.

Tais princípios, radicados em ideais não sectários, são capazes de abranger a humanidade inteira, independente de credo ou culltura e não se fundamentam em regras engessadas, superando a discussão doutrinária e teológica.

O entendimento dos princípios da “escola de como viver” não aparece condicionado à assimilação de elementos ou conceitos religiosos específicos do hinduísmo. Ao contrário, houve um declarado esforço de Yogananda para adaptação dos conceitos mais profundos da filosofia perene aos aspectos espirituais mais relevantes da mentalidade do Ocidente, pois demonstrou que os ensinamentos de Jesus Cristo e de Krishna são essencialmente semelhantes, apresentando um ideal cristão-hindu. Sem qualquer prejuízo à essência dos ensinamentos cristãos e hindus, abraçou a Consciência de Cristo como o pólo espiritual por excelência.

O ACESSO AOS ENSINAMENTOS DA ESCOLA DE COMO VIVER

A “escola de como viver” de Paramahansa Yogananda, a Ioga adaptada ao estilo de vida contemporâneo, tornou-se acessível aos ocidentais por meio da organização que fundou nos Estados Unidos, a Self-Realization Fellowship, dando acesso público aos mesmos ensinamentos concedidos aos seus estudantes e discípulos diretos, elaborando um completo e detalhado curso enviado por correspondência.

A sede da SRF fica em Los Angeles, de onde são encaminhadas, por correio, lições quinzenais para aqueles que as solicitam. Através dessas lições os estudantes de SRF devotam seu tempo para estudo e meditação, com o objetivo de se prepararem física, mental e espiritualmente para enfrentar os desafios da vida.

Os ensinamentos incluem:

1) Técnicas de Energização: habilita o estudante a canalizar, de forma consciente, a energia da fonte cósmica para o corpo. Esta técnica de controle da energia vital purifica e fortalece o corpo e o prepara para a meditação, ajudando assim a alcançar estados superiores de consciência;
2) Técnicas de Concentração: através dessas técnicas o estudante aprende a focalizar pensamento e energia, direcionando-os para qualquer meta a ser alcançada ou problema a ser resolvido;
3) Técnicas de Meditação: ensina como usar a força da concentração na mais elevada forma – descobrir e desenvolver as qualidades divinas do verdadeiro ser. As técnicas ajudam a expandir a consciência além das limitações de corpo e mente, permitindo alcançar a realização de todo o potencial humano.

Muitos outros temas são encontrados nas lições da SRF, tais como:

• Técnicas científicas de meditação;

• Como comungar com Deus na vida diária;

• Amizade – a arte de relacionar-se com os demais;

• Criando harmonia no casamento e com a família;

• Como desenvolver uma intuição criativa;

• Encontrando a verdadeira vocação, equilíbrio, sucesso e prosperidade;

• Métodos iogues de dieta, relaxamento, saúde e rejuvenescimento;

• Vivendo sem medo e sem estresse;

• O poder dinâmico da vontade – como criar à vontade o que você precisa;
• Vida após a morte;

• Karma e Reencarnação.

Uma vez que a ioga é baseada na prática e experiência e não na adesão de um conjunto particular de crenças, céticos e seguidores de todas as religiões podem ser beneficiados pelos ensinamentos espirituais das lições e das técnicas básicas. Os estudantes poderão experimentar em suas próprias vidas os princípios ensinados por Paramahansa Yogananda, que assegura que cada um é capaz de alcançar os mais elevados estados de Consciência Divina através das práticas de concentração e meditação.

As lições são divididas em 6 graus de 30 lições cada, com duas lições enviadas a cada quinze dias. O conteúdo de cada lição preenche de 6 a 8 páginas e pode ser estudado por uma semana. São requeridos cerca de 3 anos e meio para completar todo o curso. Todas as lições básicas preparatórias para iniciação em Kriya Yoga são enviadas durante os 6 primeiros meses.

Era o desejo de Paramahansa Yogananda que as lições da SRF fossem disponibilizadas para todos aqueles com sincero desejo de conhecer a Deus. Para isso, as lições são oferecidas por apenas uma taxa simbólica para ajudar a cobrir custos de impressão e postagem.

Há centros e grupos de meditação da SRF nos cinco continentes, inclusive nas maiores cidades brasileiras. O formulário para solicitar as lições pode ser fornecido no Grupo mais próximo ao seu endereço ou diretamente em www.yogananda.com.br/licoes.asp. Para conhecer todos os endereços da SRF no Brasil, acesse o site www.yogananda.com.br/grupos.asp. Mais informações podem ser obtidas no site da SRF: www.yogananda-srf.org.

Mesmo após concluídas as lições, o estudante continua frequentando a “escola de como viver” de Paramahansa Yogananda por toda a vida. Não tem matrícula formal nem muros definidos, faixa etária específica, exigência de escolaridade ou data para conclusão, mas tem notas colhidas em cada evento da existência: “Após um treinamento completo, os estudantes desse tipo de escola devem fazer um contínuo exame introspectivo, durante a vida inteira; os vários diplomas conquistados serão saúde, prestígio, eficiência, riqueza e felicidade”.

Posted in Espiritualidade, Geral, Ioga, Meditação, Ser Integral • Tags: , , , Top Of Page

2 Responses to “Paramahansa Yogananda, educador da humanidade”

Comment from Monique Medina
Time 10/08/2012 at 14:46

Oi , meu nome e Monique . Gostaria muito de poder fazer parte deste estudo, mais vivo aqui em Miami , tem alguma escola por aqui? Muito obrigado.

Comment from Arnóbio
Time 12/08/2012 at 14:17

Há dois centros próximos a Miami:

Miami Meditation Group
of Self-Realization Fellowship
2020 NE 163 Street, Suite 109
North Miami Beach, FL 33162

Group contacts:
Email: mmgsrf@yahoo.com

Fort Lauderdale Meditation Group
of Self-Realization Fellowship
1300 SW 31st Ave
Ft. Lauderdale, FL 33312

Group contacts:
Tel: 954-729-2046
Email: ftlaudmedgroup@yahoo.com

Write a comment